Imprensa

Todas as unidades da Cachaçaria do Dedé oferecerão degustação das cachaças: Jambucana, Amburana, Carvalho e Prata

 

As unidades da Cachaçaria do Dedé localizadas, Parque 10, shoppings Manauara e Ponta Negra, estarão neste dia 13 de setembro, oferecendo aos seus clientes degustação das cachaças: Jambucana, Amburana, Carvalho e Prata, em comemoração ao dia da Cachaça.

Com uma história de mais de 500 anos a cachaça ou caninha ganhou uma data em sua homenagem. O dia 13 de setembro foi intitulado para celebrar o “Dia Nacional da Cachaça”. Em abril de 2013, o Brasil ganhou direito de uso exclusivo do nome “cachaça” nos Estados Unidos. A bebida que virou marca só pode ser comercializada de acordo com os padrões de qualidade nacionais.

Na Cachaçaria do Dedé o cliente pode encontrar mais de 1029 rótulos da “branquinha” e dentre esses rótulos estão as cachaças cridas pelo grupo Dedé. “A nossa cachaça foi desenvolvida por nós, do início ao fim. Criamos três variações: Ouro 50% envelhecida e 50% nova Blend; Premium envelhecida de 1 a 3 anos, sem Blend e Extra Premium de 3 anos ou mais, sem Blend. O Blend é quando há uma mistura entre os dois tipos (envelhecida e armazenada), a porcentagem desta mistura é definida pelo fabricante da cachaça e não tem tempo determinado de armazenagem em barris”, afirma, André Parente, o Dedé.

A última criação do Grupo Dedé foi a cachaça Jambucana, que é feita de jambu.  A mesma ganhou espaço no ranking da Distribuidora Sarava, nos meses de maio e junho como uma das mais vendidas do Brasil. A Distribuidora Savana é a maior distribuidora de cachaça Artesanal de qualidade do Brasil, com mais de 20 anos de mercado. Estar nessa listagem é muito concorrido e a Jambucana conseguiu estar em 1 lugar, dois meses consecutivos como a cachaça mais vendida do Brasil.

Conheça o que é Jambu

O jambu, da mesma família do agrião, é uma erva típica da região Norte do Brasil, especificamente dos estados do Acre, Amazonas, Pará e Rondônia.

Facilmente encontrado em feiras e mercados locais, é vendido em maços, e é muito utilizado na culinária da região. Por exemplo, o jambu é ingrediente fundamental na preparação de pratos típicos como o tacacá e o pato no tucupi.

O diferencial desta erva não é o sabor, e sim a sensação de dormência e formigamento que causa nos lábios, língua e céu da boca, o que proporciona uma experiência gastronômica exótica.

 

 

 

 

 

Cachaça de Jambu – Jambucana

Jambucana 500ml

O jambu se tornou matéria-prima utilizada na produção de bebida alcoólica, sendo aproveitada toda a planta: raiz, talos e folhas na mistura da aguardente e no melaço de cana-de-açúcar em seu processo de fabricação.

Foram dois anos de pesquisa para o desenvolvimento da bebida. A ideia era dar um toque amazônico à típica cachaça brasileira, o que foi alcançado com louvor pela cachaça de jambu.

 

Como se degusta

Para aqueles que vão experimentar esta delícia, a dica é deixar descansar sobre a língua no primeiro momento e depois passar a bebida por toda a região da boca para perceber todas as características do jambu antes de engolir.

Essa aguardente é diferente, e vai proporcionar a prometida sensação gostosa de dormência e formigamento na boca, após um toque de refrescancia e um leve sabor salgado para finalizar.

 

Neste dia da cachaça o Grupo Dedé estará lançando oficialmente as redes sociais da cachaça Jambucana, o face no endereço: facebook.com/jambucana e o instagram: instagram@jambucana